Pesquisar
Close this search box.

Jaguar deseja manter supremacia durante o E-Prix São Paulo deste sábado

Em 2024, a Fórmula E completa dez anos de existência e mesmo em pouco tempo, a categoria já se consolidou como um dos principais campeonatos do mundo do automobilismo. Neste final de semana, onde acontece a segunda edição do E-Prix São Paulo, no circuito Anhembi, os olhos estão voltados para a equipe da Jaguar TCS Racing, que tende manter a supremacia com o britânico Mitch Evans e o australiano Nick Cassidy, recém chegado à equipe.

Durante a coletiva de imprensa concedida nesta quinta-feira, 14, James Barclay, chefe de equipe da Jaguar, destacou que o momento é favorável por ter dois pilotos de classe mundial no time. “Queríamos uma dupla de pilotos que nos desse a chance de marcar o máximo de pontos em qualquer fim de semana. O nível é tão alto que você precisa ter dois pilotos para vencer o Campeonato Mundial, e esse é o objetivo fundamental pelo qual todos na equipe”, disse.

Nick Cassidy chega a São Paulo como líder do campeonato e em seu ponto de vista como piloto, eles tem um belo produto nas mãos devido a alta tecnologia. “Os carros são bem divertidos de guiar. E os circuitos de rua são os melhores, então no lado das corridas, não acho que há muito para melhorar. Eu adoraria que os ingressos fossem mais acessíveis, que as equipes de mídia sociais fossem mais ativas, para que atraíssemos um público maior”, destacou o australiano.

Já para seu companheiro de equipe, Mitch Evans, por mais que a Fórmula E seja um esporte muito jovem, a alta perfomance dos carros e a tecnologia são fatores que podem trazer mais entusiastas para a modalidade.

“Acho que, com os carros ficando ainda mais rápidos, mais próximos aos da F1, talvez as pessoas vão comprar mais a ideia. Mas os fãs reais, eles querem apenas boas corridas. E eles não ligam se Fórmula E, Fórmula 1, outras. Eles querem apenas boas disputas. Do ponto de vista da tecnologia, cada vez é mais comum vermos os carros elétricos na rua. E acho que isso se transfere para a F-E. Mas, para sermos justos, o ritmo de desenvolvimento e de interesse no campeonato desde o começo tem sido incrível”, revelou Evans.

No ranking, Evans está em quinto lugar com 10 pontos, enquanto Cassey em primeiro com 57 pontos. O saldo também foi positivo para a equipe que, na classificação dos construtores, está em primeiro lugar, com 78 pontos, 31 pontos a mais que a segunda colocada, a DS Penske.

O E-Prix São Paulo acontece neste sábado, no Anhembi, às 14:00.

Escape Magazine
Escape Magazine