Pesquisar
Close this search box.

De sacoleira a ícone do empreendedorismo feminino, conheça Letícia Coelho

Letícia Coelho é exemplo de superação e sucesso no mercado de moda do Tocantins. De suas humildes origens vendendo capinhas personalizadas e bijuterias durante a faculdade, ela construiu um império com a loja multimarcas Letslo, a confecção Lilée e o hub de empreendedorismo para mulheres, Letsnow.

Nascida em Anápolis (GO) e filha de uma costureira e de um militar, Letícia mudou-se para Palmas aos 18 anos para estudar Arquitetura na UFT, onde iniciou sua trajetória empreendedora. Hoje, com 15 anos de atuação no mercado, ela não só revolucionou o cenário da moda local, trazendo celebridades para eventos em sua loja, como também se tornou uma referência em empreendedorismo feminino, oferecendo mentoria e apoio a outras empresárias. Letícia acredita firmemente na importância da responsabilidade social e no impacto positivo que suas empresas podem ter na sociedade.

Nesta entrevista, ela compartilha os desafios, aprendizados e visões que a moldaram ao longo de sua carreira.

Entrevista

Pergunta: Letícia, sua trajetória desde sacoleira até uma figura proeminente no mercado de moda em Tocantins é notavelmente inspiradora. Poderia compartilhar como os desafios iniciais moldaram sua abordagem ao negócio de moda e empreendedorismo hoje?

Letícia Coelho: Os desafios iniciais foram voltados à falta de recursos financeiros para iniciar. A falta de uma família com recursos para apoiar, ou até mesmo abertura em banco, fez com que o início fosse mais difícil. Porém, essa dificuldade me ensinou muito a ser organizada com meus recursos e a criar soluções criativas que me ajudassem a conseguir tais recursos. Conseguir as primeiras clientes e também ter credibilidade no mercado de moda é bem desafiador no início da jornada, por isso comecei vendendo para meu ciclo de amigas da faculdade e também para meus familiares. Sempre pedi para primas, amigas e colegas de trabalho me ajudarem nas divulgações, pagava com permuta desde aquela época.

Pergunta: Com a criação do Letsnow, você assumiu o papel de mentora para outras empreendedoras. Na sua visão, quais são as competências mais críticas que as empreendedoras precisam desenvolver para ter sucesso em mercados competitivos como o da moda?

Letícia Coelho: O grande desafio da mulher empreendedora é conseguir conciliar diversas jornadas, como a familiar, a criação dos filhos, a emocional e a de saúde. A mulher é constantemente pressionada a ser boa em tudo e cuidar de tudo e de todos. Porém, a prioridade acaba sendo sempre a família, por isso ter um lar organizado e bem gerido é fundamental para obter bons resultados nos negócios. Sempre aconselho minhas mentoradas a começarem a organizar as demandas de casa, criando processos e tendo pessoas para auxiliar nessa parte. Dessa forma, a mente delas consegue ficar mais em paz e vivenciar o processo de empreender de maneira mais leve. Acredito que organização, inteligência emocional e um grande sonho são fatores essenciais para o sucesso dos negócios da mulher empreendedora.

Pergunta: Você mencionou planos futuros para a Lilée, como a implementação de uma creche gratuita para as costureiras. Como você vê o equilíbrio entre responsabilidade social e sustentabilidade empresarial na condução de seus negócios?

Letícia Coelho: Acredito que um negócio próspero deve contribuir para o desenvolvimento da sociedade em geral. É fundamental pensar no impacto que nosso empreendimento causa no mundo. Nas minhas empresas, definimos valores que norteiam nossas escolhas e buscamos refletir quem somos. Promovemos a melhoria contínua da qualidade em nossos processos, fomentando uma educação ambiental entre colaboradores e clientes. Compartilhamos indicadores em toda a empresa com o objetivo de adotar práticas de economia de energia, água e recursos naturais. Recentemente, investimos na aplicação de energia solar em toda a unidade de Palmas-TO. Desenvolvemos projetos anuais que oferecem apoio financeiro e doações de produtos ou serviços a entidades assistenciais. Investimos em treinamentos com toda a equipe para conscientizá-los sobre a importância dos projetos sustentáveis e sociais.

Pergunta: Em sua experiência, quais estratégias específicas você encontrou mais eficazes para gerenciar tempo e recursos, especialmente considerando suas múltiplas responsabilidades como mãe, esposa e empresária?

Letícia Coelho: Sempre investi em mentorias e cursos para aprender mais sobre mim mesma e sobre como lidar melhor com o tempo. Através desses aprendizados, pude fazer escolhas mais assertivas e administrar meu ritmo de forma mais eficiente. Atualmente, tudo o que faço é muito bem planejado e definido em agenda, com blocos de tempo dedicados a cada área. Aprendi a definir metas claras para cada área da minha vida e criar projetos com planos de ação para melhorar cada uma delas. Uma empresária precisa usar as ferramentas corretas para lidar com tantas demandas. Meu conselho é planejar uma agenda semanalmente, criar blocos de tarefas, definir prioridades, realizar reuniões estratégicas semanais e delegar com clareza.

Pergunta: Dada a sua influência crescente, tanto regional quanto nacionalmente, como você planeja utilizar essa plataforma para impactar positivamente o empreendedorismo feminino no Brasil nos próximos anos?

Letícia Coelho: Sei que os desafios iniciais podem ser muito difíceis, especialmente quando se trata de obter os recursos necessários. Por isso, quero usar minha experiência para orientar e inspirar outras mulheres a superar esses obstáculos e alcançar seus objetivos. Meu objetivo é compartilhar estratégias e conhecimentos que possam ajudá-las a construir negócios prósperos e sustentáveis no setor da moda.

Vitor Horvath
Vitor Horvath